Mensagens

Made in Excertos de um Livro por Escrever

(...)

A quem não me conhece, sou do signo peixes, o que significa que sou uma pessoa quente, emotiva, apaixonada, dramática mas devota em tudo que faço e digo, pelo menos é essa a descrição do signo peixes, que combina perfeitamente comigo. A quem não me conhece, prazer, eu sou apaixonada pela vida, sou o 8 e 80, ou eu gosto muito de alguém ou eu não gosto de todo, não consigo apenas gostar de alguém, acabo sempre por me dar mais do que devia e acho que é por aí que as coisas, muitas vezes, acabam mal. 
E foi assim que aconteceu entre nós, não concordas? 
Esta será a parte mais importante, esta será a parte que quero que prestes mais atenção porque esta é a parte em que após estes dois anos separados e após vários factos constatados, (em que alguns te agradeço, outros agradeço-me), existe um em especial que eu preciso que estejas mais atento.
Um dos factos que eu constatei com o tempo é que tu foste o maior, o mais incontrolável, o mais doloroso, o…

(...)

Made in Excertos de um Livro por Escrever
A palavra perdida combina um bocadinho comigo, para ser sincera.  No meio da minha confusão, descobri que todos à minha volta têm um dom, uns cantam, outros dançam, aqueles e alguns cozinham, há quem tenha o dom de salvar pessoas, há quem tenha o dom de inventar, de criar, de reinventar, mas eu nunca soube ao certo qual era o meu dom, apenas sabia que nenhum dos anteriores se aplicava a mim. Até que um dia, sem que nada o fizesse prever, a minha melhor amiga, a outra metade de mim, olhou-me nos olhos e disse qualquer coisa como "Tu tens o dom da palavra, devias apostar nisso". Apesar de eu saber que tinha algum jeito com as palavras e de muitas pessoas já me terem dito que escrevia bem, nunca ninguém me tinha dito que eu tinha o dom da palavra e isso para mim foi inspirador ... Foi nesse momento que eu entendi que podia nem dar em nada, mas iria começar a explorar o que o outro eu disse ser o meu dom. (...) Esta lengalenga toda tem …

Made in Excertos de um Livro por Escrever

(...)

Hoje fui a uma entrevista de emprego!
Estive bem perto da casa da tua avó. Pensei em passar e agradecer-lhe pelos jantares, pequenos almoços, almoços e lençóis cheirosos mas lembrei-me do cão rancoroso e desisti.  Cada passo que eu dava, lembrava-me de ti.  Hoje passei por lá mas foi diferente.  Hoje não te mando esta mensagem como se quisesse voltar atrás no tempo ou até quem sabe mudar de idéias sobre nós ou a querer ser tua amiga, a pedir-te para ficares na minha vida.  Hoje mando-te mensagem para que saibas que estou feliz sem ti! É isso mesmo. Finalmente! Nunca saberás a luta que travei comigo mesma para chegar aqui, e hoje que aqui cheguei quis que soubesses, que fosses testemunha de que eu fui capaz de ser muito feliz sem ti, desculpa só ter falhado à minha palavra, quando te disse que nunca ia ser feliz sem ti. Superei-me, superei o que achava ser impossível.  Estou orgulhosa de mim mesma, parabéns a mim.  Hoje é isto que te quero dizer.…

Made in Excertos de um Livro por Escrever

(...)

Prioridades. O que são prioridades Afonso? Posso-me rir? Devo rir ou chorar?
Parece que te estou a culpar de tudo de mau que aconteceu connosco mas podes acreditar no contrário, eu não te culpo de nada, aliás, culpo-me mais depressa do que a ti.
Mas diz-me, o que são para ti prioridades Afonso?
Daria tudo para saber o que pensaste, se é que pensaste em alguma coisa resposta. 
Lembro-me como se fosse hoje, tu dizias que eu era a tua prioridade. Posso-me rir? Devo rir ou chorar? Como é que eu poderia ser a tua prioridade? Eu esclareço-te. Para mim prioridades é saber dizer o que merece ser feito em primeiro lugar.
Neste especifico caso, significa o que devemos fazer com mais urgência, com mais atenção, com mais cuidado, com mais tempo, mas principalmente, quero dizer que prioridades é aquilo que damos às coisas, pessoas ou situações consoante o que queremos fazer com mais vontade (ou não).
Ando a repetir-me muitas vezes? Já mencionei que vont…

Made in Excertos de um Livro por Escrever

(...)

Olá, sou o ex-namorado dela. Sei que já deves ter ouvido falar de mim, ou pelo menos eu espero, nem que seja pelo lado mau, significa que ela ainda consegue pronunciar o meu nome. Sim, é verdade, ela está muito magoada comigo mas espero que algum dia me consiga perdoar, isso é muito importante para mim. Mas não foi por isso que decidi escrever-te esta carta. Para te fazer entender o que te quero hoje dizer, quero que saibas que já estive no teu lugar, já dormi com ela e acordei do lado dela, já a tive nos meus braços e já pude beija-la a toda a hora, mas desperdicei isso. Se não sabes, eu não a valorizava muito. Sabias que ela chegava a prejudicar-se a ela própria para me ajudar, e eu nem merecia porque eu precisava de ajuda porque quando deveria ter feito as coisas bem, preferi ir para os copos, estar com as minhas amigas e amigos e tudo ficava para depois, então ela cuidava de mim, ou então sofria as consequências dos meus atos e nem por…

Made in Excertos de um Livro por Escrever

(...)

Eu podia cuidar dos meus próprios fantasmas se não fosse esta vontade imensa, que não pára de crescer dentro de mim, de que sejas tu a cuidar deles.
Sou uma Mulher insegura, com medos, com coisas na cabeça, que vê novelas, que conhece os Homens, que já sofreu alguns dissabores e sabores tão bons que no fim se tornavam pesadelos só por terminarem. Entendes o que estou a dizer? Por favor, diz-me que sim. Entendes o meu desespero? Consegues pelo menos vê-lo? Eu já tentei por mil maneiras fazer-te entender que o problema habita na minha cabeça porque sou uma Mulher com fantasmas grandes, grandes fantasmas. É desespero, confesso, perdoa-me. 
Espero ainda ser a Mulher que conheces-te e por quem te apaixonas-te, mas entende, se eu não for sincera contigo, em tudo o que sinto, sendo bom ou mau, irei ser com quem?
Na minha cabeça, perder-te é perder-me. Ficar sem ti é cair num abismo sem fundo, é passar pelo inferno e depois ter que começar tudo de no…

Made in Excertos de um Livro por Escrever
(...)
Rendi-me ao clichê do "amo-te", de te dizer todos os dias o quão importante és para mim, do "tenho saudades tuas", também me rendi ao que era mais fácil, mas clichês são tão bons de ouvir, eu gosto tanto de ouvir clichês, só que nunca te cheguei a perguntar se gostavas de os ouvir.  Esta noite, acho que mereces mais. Hoje vou declarar-me a ti, sem clichês . Somos uma combinação perfeita entre o exagerado e o contido, sendo eu o exagerado e tu o contido. Aprendi isso contigo, ser contido não é mau, é só uma "qualidade" a contornar. Se me perguntarem se custa sentir-te longe de mim sempre que eu precisava de um abraço forte ou de um carinha na cara, eu não negaria, eu diria que custa, mas acrescentaria que isso não faz de ti um Homem mau ou um Homem ausente, eu diria que se fosses um tal que chorava a toda a hora eu pôr-te-ia fora da porta no primeiro segundo porque eu preciso de força, eu preciso de um Homem assi…