Eu podia cuidar dos meus próprios fantasmas se não fosse esta vontade imensa, que não pára de crescer dentro de mim, de que sejas tu a cuidar deles.
Sou uma Mulher insegura, com medos, com coisas na cabeça, que vê novelas, que conhece os Homens, que já sofreu alguns dissabores e sabores tão bons que no fim se tornavam pesadelos só por terminarem. Entendes o que estou a dizer? Por favor, diz-me que sim. Entendes o meu desespero? Consegues pelo menos vê-lo? Eu já tentei por mil maneiras fazer-te entender que o problema habita na minha cabeça porque sou uma Mulher com fantasmas grandes, grandes fantasmas. É desespero, confesso, perdoa-me. Espero ainda ser a Mulher que conheces-te e por quem te apaixonas-te, mas entende, se eu não for sincera contigo, em tudo o que sinto, sendo bom ou mau, irei ser com quem?
Na minha cabeça, perder-te é perder-me. Ficar sem ti é cair num abismo sem fundo, é passar pelo inferno e depois ter que começar tudo de novo sem ter chão onde possa construir de novo. Não te preocupes, não é obsessão ou um amor doente, quero dizer, sei que ficaria bem sem ti ao final de algum tempo, depois de chorar, de desejar morrer, de me "drogar", de comer gelado, ver filmes e ouvir musicas deprimentes, depois de muito sofrimento, irei sobreviver, não irei morrer, é um facto. O quero realmente dizer é que sem ti seria tudo diferente, iria ter que mudar a minha vida toda e tu conheces-me, mudanças para mim não são problemas, mas eu não iria ser a mesma sem ti por perto e eu amo-me tanto contigo ao meu lado. Por estas razões, ficar sem ti é um pesadelo tão grande que consigo pôr Holly. todo dentro do meu cérebro. Nós Mulheres temos estas manias. Perdoa-me, meu amor, os meus fantasmas perseguem-me.
Não me quero separar de ti mas se um dia acontecer (porque tu assim o desejas), espero que haja Mulher no Mundo que te ame tanto como eu amo, para teu bem! A tua felicidade impera para mim, foi assim que me ensinaste a amar os outros, sem sequer preparares a lição. Obrigada por compareceres ao evento da minha vida. 

Comentários

Mensagens populares deste blogue